praças - credito Marden Couto

9 praças mineiras que parecem saídas de um conto de fadas

As praças são famosos pontos de encontros dos moradores, principalmente nas cidades do interior do estado. Antigamente era comum os mais jovens se encontrarem para namorar e os mais experientes se reunirem para disputar um carteado. 

Nas praças das cidades mineiras tem sempre uma igreja, banquinhos, coreto, jardins e crianças correndo atrás do vendedor de algodão doce e do pipoqueiro. Confira a lista que fizemos com algumas pracinhas de Minas Gerais!

Quer ter as melhores experiências em suas viagens por Minas? 

Clique aqui e compre nosso Guia exclusivo!

 

Da Liberdade – Belo Horizonte

A praça é um dos cartões postais de BH, possui coreto, fonte e um extenso corredor de palmeiras imperiais. Conhecido como Circuito da Liberdade, o seu entorno é repleto de museus interativos e gratuitos abertos para visitação.

praça da liberdade - credito Marden Couto

 

Gomes Freire – Mariana

A praça é uma combinação típica de laguinhos, bancos, coreto e jardim. Está localizada no centro histórico e é um dos pontos de encontro da população da cidade para conversar e relaxar. 

 

Pedro Sanches – Poços de Caldas (foto)

Muitas árvores, coreto e banquinhos são características comuns dessa praça, que fica bem em frente ao famoso Palace Hotel, construção suntuosa que é destaque na cidade.

 

Largo das Forras – Tiradentes

A principal praça de Tiradentes é ponto de encontro dos moradores, que costumam jogar cartas, assistir apresentações culturais ou colocar o papo em dia. A região também atrai turistas por concentrar muitas pousadas, restaurantes, lojinhas de artesanato e centro de informação turística.

 

XVI de Setembro – Caxambu

A pracinha tem jardins floridos, bancos e belas árvores. Tombada pelo Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais, o local conta ainda com um coreto de 1913, decorado com uma pequena cascata e uma fonte. 


Manoel Moreira – Carrancas

Localizada no coração da cidade, a Praça Manoel Moreira guarda uma das preciosidades da cidade, a igreja que é patrimônio histórico de Carrancas e foi construída na primeira metade do século XVIII. O templo é todo feito de quartzito, formado por blocos de até uma tonelada. 

carrancas - credito marden couto

 

Presidente Vargas – Extrema

A cidade que é dividida em 5 rotas turísticas indicada pela rosa dos ventos também conserva um ar bem interiorano. Esta praça é considerada o marco zero do município, onde está localizado o Santuário de Santa Rita, padroeira da cidade, e contempla a rosa como símbolo.

ASSISTA AO VÍDEO QUE FIZEMOS EM EXTREMA

 

Monsenhor Dutra – Gonçalves

Em Gonçalves a praça também está na frente da igreja, a Paróquia Nossa Senhora das Dores, e possui um coreto, banquinhos e moradores prontos para orientar os turistas perdidos.

 

Aristides de Araújo Teixeira – Santana dos Montes

Também conhecida como Praça da Matriz, por ser o local onde a Igreja Matriz de Sant’ana está localizada. Possui um jardim diversificado e no seu entorno é possível observar as casas mais antigas da cidade. 

santana dos montes - credito marden couto

 

Você conhece alguma destas praças? Conta pra gente nos comentários!

cta_finalpost_passeios_venda
Postagens relacionadas
orquestra filarmonica - crédito Marden Couto
4 eventos musicais tradicionais de Minas
turismo de bem-estar - credito marden couto
5 cidades mineiras para você desfrutar o turismo de bem-estar   
festivais de inverno - credito Marden Couto
8 festivais de inverno pelo interior de Minas
casa de chica da silva - credito Marden Couto
Conheça os 5 personagens que marcaram a história de Minas Gerais
chafariz do kaquende - credito Marden Couto
9 chafarizes mineiros para você matar a sede

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web