queijo balança comida gastronomia - marden couto

15 experiências gastronômicas que você tem que provar em Minas

Matéria atualizada em 30/3/2018

Textos: Luana Bastos e Fotos: Marden Couto/Turismo de Minas

 

A culinária mineira é indiscutivelmente deliciosa e cada cidade reserva uma receita melhor que a outra. É praticamente impossível viajar pelo estado e experimentar tudo sem ganhar uns quilinhos a mais. Mas em cada município visitado podemos conhecer um pouquinho mais das delícias de Minas Gerais.

Confira a seleção que fizemos de produtos e estabelecimentos tradicionais em várias cidades mineiras, que visitamos durante a Expedição Turismo de Minas. Tem opções para todos os gostos! Que tal se arriscar em uma aventura gastronômica pelo estado? 

Quer ter as melhores experiências em suas viagens por Minas? 

Clique aqui e compre nosso Guia exclusivo!

 

Coxinha do Bar Barroco – Ouro Preto

A coxinha de frango do Bar Barroco é a mais famosa de Ouro Preto. Tanto que o local é ponto de encontro dos universitários, moradores locais e visitantes. São mais de três décadas de tradição na cidade. 

bar barroco, ouro preto - credito Marden Couto

Bar Barroco, em Ouro Preto – Foto: Marden Couto/TM

 

Picolé de coco do Picolé do Amado – São João del-Rei

O tradicional Picolé do Amado começou a produção em São João del-Rei em 1965. Atualmente já existem unidades em Tiradentes e Belo Horizonte. O picolé é feito artesanalmente com frutas frescas e ingredientes de primeira, que garantem a qualidade e o sabor inigualável.

Picolé do Amado, são joão del rei - credito Marden  Couto

Picolé do Amado, em São João del-Rei – Foto: Marden Couto

Cookie de maracujá da Taberna D’Omar – São João del-Rei

Em um espaço rústico e agradável, a Taberna D’Omar é uma ótima opção para encher a mala de doces lembranças. São quitutes dos mais variados e a dica especial é o cookie de maracujá, uma delícia a parte que você só encontra lá.

taberna do omar - pães

Pães e cookies da Taberna do Omar, em São João – Foto: Marden Couto

 

Canudinho de doce de leite do Chico Doceiro – Tiradentes

A combinação de doce de leite e canudinho é uma das maravilhas que se encontra em Minas. Ao visitar Tiradentes o Chico Doceiro é parada obrigatória para experimentar a guloseima mais tradicional da cidade e ainda adoçar o passeio.

chico doceiro - canundinho - tiradentes - marden

O saudoso Chico Doceiro, que produzia o canudinho de doce de leite em Tiradentes – Foto: Marden Couto/TM

 

Pão com linguiça e queijo canastra do Queijos Califórnia – Capitólio

Em Capitólio a boa pedida é comer o delicioso pão com linguiça e queijo canastra do Queijos Califórnia, acompanhado de geleia de pimenta. É de comer rezando e vale experimentar e ainda repetir.

 

Esfiha de carne e ora-pro-nóbis do Al Árabe – Diamantina

Se você vai a Diamantina, não deixe de experimentar a esfiha de carne e ora-pro-nobis do Al Árabe. Um toque bem mineiro com um sabor característico da nossa terra. 

ASSISTA AO VÍDEO QUE GRAVAMOS EM DIAMANTINA

 

Sopa de morango da Gressoney Chocolates – Monte Verde

Fundada em 1978, a primeira e única fábrica de chocolates em Monte Verde, é um destaque na cidade com várias delícias. Uma das mais conhecidas e pedidas pelo público é a sopa de morango. A combinação perfeita de morangos batidos com chocolate trufado e acompanhado de sorvete de creme. Se visitar Monte Verde já sabe onde deve garantir a sobremesa né? 

gressoney monte verde chocolate sopa de morango

Sopa de morango e chocolates da Gressoney, em Monte Verde – Foto: Marden Couto

Geleia cremosa de limão da A Senhora das Especiarias – Gonçalves

A Senhora das Especiarias vende várias iguarias como geleias, temperos, conservas, molhos e antepastos. A geleia cremosa de limão é divina! É impossível deixar Gonçalves sem levar um pouquinho dessas delícias na mala.

 

Doce de abóbora com coco do Doce da Roça – Poços de Caldas

Quando o assunto é doce, não tem nem como esquecer as barras gigantes de 100 a 500kg da Doce da Roça, que já são produzidos há três gerações. O mais famoso é o doce de abóbora com pedaços de coco. Há outras opções bem cotadas como o manjar com ameixa, o pingo de leite com amendoim, a goiabada cascão, a cocada com bananas caramelizadas, e o prestígio, além das compotas.

pocos de caldas - doce da roca - glaucio

Glaucio, do Doce da Roça, em Poços de Caldas – Foto: Marden Couto

Coffee Shake do Unique Café Store – São Lourenço

A cafeteria se destaca no calçadão da cidade, com fachada colorida e mesas na calçada. Sofás estofados com sacas de café e parede lotada de blends, que você pode levar para casa completam o ambiente. Do local partem os passeios para a Rota do Café Especial, que visita uma lavoura premiada.

 

Torresmo do Bar do Bigode – Juiz de Fora

Para quem visita a cidade o torresmo do Bar do Bigode é iguaria imperdível. O bar é um point e sua fama de melhor torresmo do Brasil atrai turistas de diversos lugares. É realmente de dar água na boca. O bar serve torresmo de três tipos: “torresminho”, o torresmo de “tira”, que é suculento e o mais famoso, e o torresmo de “ponta”. Ótima pedida para um happy hour.

juiz de fora

Bar do Bigode e Xororó, em Juiz de Fora – Foto: Marden Couto/TM

 

Pé de moleque da Barraca Vermelha – Piranguinho

Quem começou a tradição foi dona Matilde Cunha Torino, que preparava o pé de moleque para o marido vender na estação de trem, onde trabalhava na década de 30. O bico deu tão certo que até hoje o doce é vendido pelos descendentes do casal na tradicional e famosa Barraca Vermelha. Encomendas também podem ser feitas pelo site, com entrega para todo o Brasil.

piranguinho - pe de moleque - sonia - barraca vermelha6

Sonia, da Barraca Vermelha, em Piranguinho, produz o tradicional pé de moleque – Foto: Marden Couto/TM

Pudim de doce de leite do Armazém Bertolotti – Extrema

Para quem gosta de apreciar um docinho bem mineiro, o pudim de doce de leite mais famoso de Extrema é divino. Ganhou até um prêmio na França, como melhor pudim do mundo. No local são servidos vários pratos típicos de Minas Gerais.

 

ASSISTA AO VÍDEO QUE FIZEMOS EM EXTREMA

 

Queijo Azul de Minas do Queijos Cruzília – Cruzília

O Queijo Azul de Minas tem um sabor único, feito com ingredientes de alta qualidade, produzido com leite selecionado, cepas especiais de fermento e maturado por 45 dias. Possui uma cremosidade exclusiva, certamente um queijo diferenciado, que vale muito a pena experimentar.

 

Pastel de angu do Jeca Tatu – Itabirito

Um espaço curioso que reúne um museu e uma lanchonete. A parada do Jeca Tatu é famosa para quem está nas redondezas de Itabirito. O principal pedido é o famoso pastel de angu, uma das delícias de Minas. No local há várias antiguidades como vinis, instrumentos, vitrolas, carros, entre outros itens.

 

Você gostou das nossas dicas? Conta pra gente nos comentários outras delícias que podemos experimentar no interior de Minas!

cta_finalpost_passeios_venda
Postagens relacionadas
mala - credito Marden Couto
7 dicas práticas para você arrumar sua mala de viagem
rua direita - credito Marden Couto
7 Ruas Direitas em Minas para você caminhar
expedição turismo de minas
Saiba como viajar gastando pouco com nossas 5 dicas
pico da bandeira - credito prefeitura de alto caparao
6 picos mais altos de Minas Gerais
divulgação ouro minas palace hotel
5 hotéis para uma noite romântica em BH
1 Comentário

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web