rota do café especial

Passeios por fazendas de café

No passado não muito distante, era visto apenas como uma das principais commodities exportadas pelo Brasil. No presente, já é considerado produto de luxo, bebida fina e sinônimo de sofisticação. Responsável por quase um quarto da produção mundial e mais da metade do mercado nacional, é impossível não pensar em Minas Gerais quando o assunto é café.

 

Quer ter as melhores experiências em suas viagens por Minas? 

Clique aqui e compre nosso Guia exclusivo!

 

Com mais de um milhão de hectares plantados, o grão é o mais importante produto de exportação do agronegócio mineiro e é vendido para mais de 60 países do mundo. O Brasil e, particularmente Minas Gerais, se destaca a cada ano não só pelos volumes produzidos, mas também pela qualidade e diferenciais que só a bebida mineira tem. O grão bastante apreciado já se destaca, inclusive, em concursos com padrões internacionais. A explicação para tamanha qualidade é a perfeita combinação entre fatores de clima e solo, com terras de grande fertilidade, além das águas puras das principais regiões produtoras de café no Estado, como o Sul e o Cerrado.

O café, assim como o vinho, é influenciado por diferentes fatores que determinam suas características – entre elas, aroma, corpo, acidez, amargor e doçura –, que devem atingir uma harmonia para resultar numa xícara da bebida que revele grau extremo de qualidade e sabor. Também influenciam o paladar final de um café especial: altitude da área onde é plantado, tipo de solo, condições climáticas, genética do grão, manutenção dos cafezais, cuidados na colheita, armazenamento, seleção, torrefação, moagem e a origem dos grãos.

Entre 6% e 10% da produção total do Brasil são de cafés especiais e no mercado mundial, 12% da demanda já se volta para este tipo do produto. Porém, o país está atingindo um novo patamar em que o grão, atualmente com produção concentrada em volume, começa a migrar para o segmento gourmet, no qual o que mais vale é a qualidade do produto.

Fazendas que recebem turistas

E o turismo também ganha com isso. Algumas fazendas cafeeiras de Minas recebem visitantes para conhecer a produção do grão. Outras já ofertam ao mercado roteiros turísticos para conhecer o grão do pé a xícara, como: a Rota do Café Especial, na Fazenda Sertão, na Serra da Mantiqueira, em Carmo de Minas; a Fazenda Pedra Redonda, na Serra do Brigadeiro, em Araponga; o programa Café Completo, na Fazenda Cachoeira, em Santo Antônio do Amparo; o Roteiro dos Cafés Especiais, na Fazenda Capoeira, em Areado.

cta_finalpost_roteiros
Postagens relacionadas
observatório - credito Marden Couto
5 observatórios astronômicos abertos a visitação em Minas
nhá chica - crédito Marden Couto
7 cidades mineiras que estão na rota da peregrinação
hoteis que aceitam cachorro - credito Marden Couto
13 hotéis em Minas Gerais que aceitam cachorro
diamantina - credito Marden Couto
7 coisas que eu amo fazer (e repetir) em Minas
marketing digital para turismo - credito Marden Couto
8 dicas de marketing digital para quem atua na área de turismo

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web